Os 5 princípios do Triple P

A parentalidade positiva pretende tanto promover o desenvolvimento infantil e juvenil, como gerir dificuldades comportamentais de uma forma construtiva, e não conflituosa ou agressiva, baseando-se, sobretudo, na comunicação harmoniosa e atenção positiva.
O Triple P baseia-se, de acordo com a sua investigação científica em milhares de famílias no mundo inteiro, em 5 princípios fundamentais para o desenvolvimento saudável da criança e adolescente:

Promover um ambiente seguro e estimulante
As crianças precisam de se desenvolver num espaço seguro, supervisionado e, portanto, protegido, que lhes dê a possibilidade de explorar, experimentar e brincar livremente. Este princípio é essencial para que os miúdos se desenvolvam de uma forma saudável e para prevenir que se magoem dentro da própria casa. Repare que ao ter uma casa já pensada neste propósito, poderá evitar muitos “nãos”, “não vás para aí”, “não toques nisso” e, consequentemente, birras e dores de cabeça. Este espaço terá, certamente, que se ir adaptando ao longo do desenvolvimento dos seus filhos.
Além disso, os estudos mostram (Risley, Clark et. Cataldo, 1976) que um ambiente com muitas coisas interessantes para explorar e vivenciar, estimulam não só a curiosidade das crianças, como também o desenvolvimento intelectual e da linguagem. Mantém também as crianças de tal forma envolvidas e ativas que acaba por reduzir a probabilidade de se portarem mal. Os comportamentos indesejáveis acontecem, muitas vezes, por os miúdos se sentem aborrecidos.
Por isso, procure promover, tanto quanto possível, atividades estimulantes, dentro e fora de casa.

Promover uma aprendizagem positiva
Acreditamos que os pais são os primeiros professores na vida dos seus filhos. As aprendizagens que promovem marcarão, naturalmente, o desenvolvimento e adaptação das crianças e futuros jovens. O Triple P encoraja os pais a promoverem mais momentos de ininterrupta atenção aos seus filhos, a desenvolver breves e interessantes tópicos de conversação e a ser uma fonte acessível de informação. Estes são cientificamente reconhecidos como procedimentos bastante eficazes na aprendizagem da linguagem, de competências sociais e de resolução de problemas.

Desenvolver uma disciplina assertiva
Estratégias específicas e positivas para gerir os comportamentos dos seus filhos são constantemente promovidas pelo nosso programa, funcionando sempre como alternativas a métodos coercivos e ineficazes, no que à ciência diz respeito, como gritar, ameaçar ou punir fisicamente.
Quando os pais aplicam uma disciplina assertiva, as crianças aprendem a aceitar que são responsáveis pelo seu comportamento, tornam-se mais sensíveis às necessidades dos outros, desenvolvem auto-controlo e tendem a portar-se melhor. O facto de valorizar a individualidade do seu filho não invalida que ele desenvolva comportamentos altruístas e desejáveis. Muito pelo contrário.
A disciplina assertiva envolve ser consistente, responder imediata e convictamente quando as crianças se portam menos bem, e ensinar, em simultâneo, a comportaram-se de uma forma adequada.

Desenvolver expetativas realistas
Isto implica explorar quais as expetativas que são apropriadas, tendo em conta as características, necessidades e limites individuais das crianças e dos pais. A investigação mostra-nos que os problemas normalmente surgem quando os pais esperam demasiado, e demasiado cedo, que as suas crianças sejam perfeitas. Por exemplo, os pais que esperam que os miúdos sejam sempre educados, sempre felizes, cooperantes e arrumados, irão, certamente, sofrer muitas desilusões e ter mais conflitos com os seus filhos.
É também importante que os pais desenvolvam expetativas realistas em relação a eles próprios, caso contrário a probabilidade de se sentirem inadequados e frustrados quando as coisas não correm como planeado será muito maior.
Lembre-se que todos nós temos, por vezes, comportamentos menos adequados e que isto é natural. É o que nos torna humanos.

Tome conta de si
O bom desempenho do papel de pai ou mãe poderá ser afetado por uma série de diferentes fatores, que poderão contribuir para uma deterioração da forma como se vê e sente. Por isso, encorajamos, neste programa, que encontre também tempo para si, mesmo que sejam 5 minutos por dia, onde possa espairecer ou fazer alguma coisa que goste e lhe traga bem-estar. Será muito mais fácil, para si, ser paciente, consistente e estar disponível para os seus filhos, se as suas necessidades tiverem sido preenchidas.

A todos estes princípios correspondem inúmeros métodos específicos para que os objetivos sejam alcançados eficazmente. Isto é, o Triple P oferece uma série de estratégias práticas que o ajudarão, certamente, a tornar o desenvolvimento dos seus filhos e, consecutivamente, familiar mais saudável, harmonioso e feliz.

Ficou curioso(a)? Gostaria de saber mais sobre o mundo do Triple P?
Contacte-nos e teremos todo o gosto em responder.

Leave Your Reply